Este é o Ford Mustang reestilizado, que chega ao Brasil em 2018.

Este é o Ford Mustang reestilizado, que chega ao Brasil em 2018.

Nem houve tanto tempo para os designers da internet criarem projeções do Ford Mustang reestilizado. Uma filmagem oficial divulgada na web já acabou com todo o mistério por trás da primeira reestilização desta que é a sexta geração do Mustang, que estreia com a linha 2018. O novo design também marcará o lançamento do Mustang no Brasil. Há quem diga que o Mustang ficou com aspecto triste ao receber faróis menores e mais recortados, combinados com a grade um pouco mais alta. O novo para-choque tem tomada de ar inferior mais recortada e que coloca as luzes diurnas de LEDs, agora mais largas, em posição mais alta. O capô também é novo. Na traseira, a Ford parece ter modificado discretamente as lanternas e o para-choque perdeu peça no extrator pintada na cor da carroceria. Nenhuma imagem do interior do esportivo surgiu até o momento. Esta reestilização também marcará a estreia do novo câmbio automático de 10 marchas que trabalhará em conjunto com o motor V8 5.0 de 441 cv da versão GT. Existe a possibilidade da Ford abandonar o motor V6 3.7 para deixar o 2.3 EcoBoost de quatro cilindros como o padrão do Mustang. Em 2020 estreia a versão híbrida do modelo, que deverá combinar o motor V6 2.7 EcoBoost para render potência próxima do V8 e ainda mais torque. Para antes disso, em 2018, está marcado o lançamento do Mustang no Brasil. A Ford ainda não detalhou versões que serão trazidas, mas garantiu que as encomendas poderão ser feitas já nas últimas semanas de 2017.
Fonte: primeiramarcha

2017-01-22