Discreta, chinesa Geely compra 49% das ações da malaia Proton.

Discreta, chinesa Geely compra 49% das ações da malaia Proton.

De acordo com o Financial Times, a chinesa Geely comprou 49% das ações da montadora malaia Proton, que pertence ao grupo DRB-Hicom. A informação parece confirmar a suspensão nesta quarta (24) das ações da empresa na Bolsa de Valores de Kuala Lumpur, exatamente por causa do anúncio do negócio.
Discreta, a Geely vinha negociando com o grupo malaio, que também era disputado pelos franceses da PSA. Em dado momento, Li Shufu, CEO da montadora chinesa, chegou a expressar frustração por causa do negócio, pois os donos da Proton constantemente mudavam as exigências para o negócio.
Agora, parece que as diferenças foram resolvidas e a Geely terá uma importante base no Sudeste Asiático. De um lado, o fabricante controlador da Volvo. Do outro, uma montadora autóctone da Malásia com grande experiência em carros compactos e atuação também no mercado britânico, onde possui um braço esportivo, a inglesa Lotus, alvo do interesse dos chineses. Para a PSA, resta mudar a estratégia na região.
Fonte: Financial Times

2017-05-27