Peugeot: crossover menor que o 2008 vai tomando forma na Europa

Peugeot: crossover menor que o 2008 vai tomando forma na Europa

A Peugeot anda preparando mais um crossover para atuar no mercado europeu, que está abraçando cada vez mais forte os SUVs, especialmente os compactos. Embora já tenha o 2008, a marca francesa quer algo mais barato e, portanto, menor. Há algum tempo atrás, surgiram rumores por lá que indicavam um mini-2008 ou, o que andam chamando agora, 1008. O nome não é oficial, mas tem lógica se formos pensar em seu posicionamento na gama Peugeot, ficando abaixo do 2008. Atualmente a empresa está usando o 208 como mula para testar os componentes desse novo utilitário esportivo, que não será simplesmente um 208 adaptado para crossover, como acontece em produtos como o Honda WR-V, por exemplo. Cometa-se que terá design próprio, mas ficará limitado em tamanho. Atualmente o Peugeot 2008 mede 4,16 m de comprimento e tem 2,54 m de entre eixos. Então, este Peugeot 1008 pode chegar ao mercado europeu com algo em torno de 4,00 m de comprimento, mas preservando o espaço da plataforma PF1 da PSA. Aparentemente ele chega antes do surgimento da nova plataforma modular CMP, desenvolvida em parceria com a Dongfeng. É esta base que deverá ser feita na Argentina para os futuros produtos da PSA na região, incluindo quem sabe o Novo Opel Corsa 2020. Mas de volta ao 1008, o pequenino da Peugeot deve focar no consumidor jovem com uma proposta menos familiar que o 2008, o que significa ter um porta-malas bem menor. Se a ideia der certo, provavelmente algo semelhante será feito para a Citroën, Opel/Vauxhall e quem sabe DS também. A exploração desse segmento também pode ganhar contornos mais globais no caso do 1008. Sabe-se que a Peugeot está entrando no mercado indiano e a marca Ambassador vai precisar de um SUV compacto com menos de 4 m de comprimento. Esta seria uma oportunidade para entrar com mais força naquele mercado. Por aqui, no momento não há espaço para um crossover 1008 na gama da Peugeot, visto que o 2008 parte de R$ 72.990, mas algo abaixo desse patamar provavelmente canibalizará as vendas do 208, que começa em R$ 52.290. De janeiro a julho, o 2008 foi o 11º SUV mais vendido com 5.875 emplacamentos. Em julho vendeu 893 unidades e ficou logo abaixo do 208, respectivamente em 41º e 40º no ranking dos automóveis. Esta mesma posição do 208 foi obtida pelo crossover no acumulado do ano. No entanto, um Peugeot 1008 também poderia somar com uma proposta bem intermediária entre estes dois produtos e com características bem distintas, a fim de evitar uma possível canibalização dentro da gama.
Fonte: noticiasautomotivas

2017-08-31