JAC dobra as vendas e prevê mais crescimento

JAC dobra as vendas e prevê mais crescimento

Queda na taxa de juros e T40 foram os responsáveis pelo bom desempenho da importadora Sergio Habib, presidente da JAC, está comemorando o bom desempenho da empresa este ano, depois de viver um péssimo 2016.
Mais do que isso, a JAC obteve um aumento de vendas expressivo em setembro, com alta de 108,1% em relação a setembro de 2016 e vendas de 308 unidades. O dirigente credita esse bom desempenho, por um lado à retomada do crescimento do mercado de veículos (o índice no acumulado do ano é bem maior do que o previsto pelo setor) e por outro ao lançamento do modelo T40, que vendeu 173 unidades no mês. Lembrou que as vendas do T40 são promissoras, uma vez que o ritmo de abastecimento das concessionárias ainda não foi equalizado; há muitas unidades a serem entregues e portanto o volume de vendas tende a crescer. “Ainda não conseguimos ajustar a demanda de pedidos. Vamos melhorar ainda mais as vendas nos últimos meses do ano”, disse Sergio Habib, projetando um último trimestre com média de 600 unidades vendidas/mês. Além da maior confiança do brasileiro no futuro, em função da melhora das condições econômicas, Sérgio Habib considera que o principal agente da recuperação foi a queda na taxa de juros, “que tem proporcionado crédito mais acessível nos financiamentos”, avaliou. O empresário destaca que o crescimento do mercado é recente, com reação a partir de maio e projeta um aumento expressivo se o volume de vendas

2017-10-05