Polestar-1 chega como esportivo elétrico feito na China pela Geely-Volvo

Polestar-1 chega como esportivo elétrico feito na China pela Geely-Volvo

Volvo e Geely criaram uma joint-venture na China para a produção de uma nova gama de modelos elétricos, que no total será composta por cinco produtos sob as marcas Volvo e Polestar, que é a divisão de performance do fabricante sueco. A Volvo é de propriedade da montadora chinesa também. O negócio é de 640 milhões de euros ou 5 bilhões de yuans e prevê uma produção exclusivamente local, pelo menos no início.

Esse dinheiro será aplicado no desenvolvimento de produto, da marca e na produção dos carros da Polestar. As duas empresas prometem sinergia de tecnologias com a nova marca, que estreia no mercado chinês (e mundial, espera-se) com o híbrido Polestar-1. Por volta de 2019, a marca terá um segundo modelo, o Polestar-2. Este será menor e terá propulsão totalmente elétrica, sendo o primeiro elétrico de um total de cinco sob as duas marcas.

Ainda em 2019, a Volvo pretende lançar seu primeiro elétrico e até 2021, os cinco modelos Volvo-Polestar deverão estar no mercado mundial. A empresa prevê vendas mundiais de 40% para carros elétricos nos próximos 20 anos. Bom, mas enquanto esse futuro não chega, a Polestar começa a trilhar seu caminho quase independente e passa de preparadora para marca de automóvel com o Polestar-1.
Fonte: noticiasautomotivas

2017-10-20