Mercedes Sprinter 2020: nova geração já roda em testes na Argentina

Mercedes Sprinter 2020: nova geração já roda em testes na Argentina

A nova geração da Mercedes-Benz Sprinter já está circulando bem perto do mercado brasileiro. Na Argentina, onde a van comercial leve é feita, o novo modelo foi flagrado pelo site Autoblog. Lançada em fevereiro no mercado europeu, a terceira geração do modelo alemão será feita no país vizinho, de onde desembarcará em nossas terras.
Porém, de acordo com o site argentino, a previsão para sua produção do outro lado da fronteira é para 2020, ou seja, mais de um ano ainda pela frente. Então, estes seriam os testes iniciais da Mercedes Sprinter 2020. De qualquer forma, parece um tempo muito longo para ajustes necessários ao modelo do Mercosul.
Nesse meio tempo, a Daimler simplesmente ficará assistindo a chegada de rivais de peso, como a nova Fiat Ducato, que já está por aqui, bem como em breve os Citroën Jumper e Peugeot Boxer de nova geração, que chegarão da Itália ou do México, onde a FCA fabrica o modelo da Fiat vendido por aqui, após o fim da produção da geração anterior em Sete Lagoas-MG, que era feita pela Iveco. Isso sem contar a líder do segmento, a Renault Master.
O veículo visto em terras hermanas é a Sprinter Minibus com 20 lugares, que apresentava camuflagem leve e enormes vidros colados. A ser feita em Virrey del Pino, a próxima geração do comercial da Mercedes terá um investimento de US$ 150 milhões na planta portenha, a fim de adaptar a planta ao novo modelo, bem mais moderno que o atual.
Na Europa, a nova Sprinter chegou com uma reengenharia completa, tanto que a arquitetura envolvida criou um subframe modular no cofre do motor, onde pode-se colocar tanto o motor diesel em longitudinal quanto em transversal. Isso significa que nas versões de maior capacidade de carga (até 5,5 toneladas), o modelo terá câmbio em longitudinal com cardã e diferencial com eixo rígido traseiro, podendo ainda ter caixa de transferência lateral com tração dianteira, convertendo-se em um 4×4.
Fonte: Noticias Automotivas


2018-05-15