Próxima geração do Peugeot 208 GTI terá variante elétrica

Próxima geração do Peugeot 208 GTI terá variante elétrica

A Peugeot trabalha no desenvolvimento da segunda geração do compacto 208. Segundo apurou a agência Auto Express, a variante esportiva GTI poderá ser elétrica.

O modelo atual usa a plataforma PF1, compartilhada com os Citroën C3, C4 Cactus e DS3. O novo será feito sobre a CMP. Essa plataforma terá uma variante e-CMP, feita especificamente para a eletrificação. É sobre essa nova base que deve ser construído o 208 GTI. O esportivo será revelado na próxima edição do Salão de Genebra, em março de 2019.

Isso não significa, porém, que a eletrificação será o único caminho possível para o consumidor da Peugeot. O presidente da montadora explicou à Auto Express que, no futuro, os clientes da marca poderão escolher, em cada novo modelo, se preferem um motor a combustão ou elétrico. Assim, haverá também um 208 GTI a gasolina – e, deixando a motorização de lado, não haverá nenhuma grande diferença entre as duas variantes.

“Quem escolhe o motor é o cliente. Mas não queremos forçar nenhuma diferenciação entre os elétricos e os movidos a gasolina. Preferimos oferecer a mesma experiência de condução a todos, do que construir um modelo especificamente elétrico, como um Renault Zoe”, declarou o executivo.

Mais Peugeot elétricos
Espera-se, ainda, que a Peugeot apresente uma versão híbrida do crossover 3008 e, nos próximos dez anos, um esportivo elétrico com mais de 500 cv de potência.

Fonte: Jornal do Carro Estadão

2018-07-20